Eliminar peso, gorduras em excesso, gorduras localizadas é um dos motivos de tantas ofertas de pacotes estéticos em clínicas, mas ao ler sobre os métodos e ver que para eliminar gorduras de forma efetiva talvez seja necessário procedimentos invasivos e doloridos a gente pensa umas duas vezes, não é mesmo? Por isso, algumas outras opções podem ser pensadas visando obter o melhor resultado para nosso tipo de problema e tipo de corpo sem ter que passar por alguma seção dolorida, a lipoescultura gessada é uma dessas saídas, porque sue princípio ativo auxilia a moldar o corpo do jeito que queremos e não há nenhuma dor inserida nesse procedimento.

lipoescultura

Como o próprio nome diz, a lipoescultura gessada lida com faixas que lembram as de gesso, essas faixas são misturadas a um produto de uso tópico que ataca a gordura branca e de substâncias como os metais pesados de nosso organismo, em uma sessão podem ser eliminados até duas mil calorias. Os locais mais indicados para serem usados são: barriga, perna, braço e quadril, além das calorias eliminadas, em alguns casos há redução de até 5 cm visíveis. Em alguns processos parecidos a gordura é eliminada por desidratação, mas na lipoescultura o processo é termoliporedutor, a indicação para esse tratamento é feita para pessoas que sofrem com: gordura localizada, celulite até o grau 4, obesidade circulatória e flacidez.

lipoescultura2

Além da redução desses problemas, a lipoescultura gessada traz outros benefícios como: relaxar, desintoxicar, drenagem linfática, tonificar os músculos e regenerar as células. As principais substâncias do tópico são o éster metil e o ácido piridino carboxil atóxico. Ela tem mais de 30 anos no mercado estético com eficiência comprovada, o único ponto contra é que apenas uma sessão pode chegar a custar R$10 mil, dependendo do local, da região a ser tratada e do médico que vai fazer o procedimento.